Translate

sábado, 30 de abril de 2016

Milionário holândes constrói Arca de Noé em tamanho real

Uma embarcação aos moldes da Arca de Noé, tão grande e espaçosa quanto a da narrativa cristã, deixará a Holanda em junho e deverá atracar no Brasil durante os Jogos Olímpicos. No interior dela, estarão pares de animais em réplicas de madeiras — e, mais do que isso, atividades que transmitirão aos visitantes "mensagens de esperança" baseadas na vida de Jesus Cristo, como acrescentam os idealizadores do projeto. Serão apresentadas palestras, filmes e discussões sobre histórias bíblicas clássicas, como a Criação, o Paraíso, e, claro, o Dilúvio.
A suntuosa ideia partiu do carpinteiro holandês Johan Huibers, que tirou os planos do papel em 2012, após mais de quatro anos de trabalho. A arca mede 125 metros de comprimento e 23 metros de altura, e seu peso é estimado em 2,5 mil toneladas. A construção tem área maior do que a de um campo de futebol e consegue abrigar até 5 mil pessoas ao mesmo tempo.
Desde que está atracada no Mar do Norte, ao norte da Holanda, a arca já foi palco de ensinamento do Evangelho para muitos visitantes. Mas Huibers queria ir além-mar — especialmente ao Brasil, um dos maiores países cristãos do mundo. Para que a embarcação pudesse atravessar o oceano, foi então criada a Fundação Arca de Noé (Ark of Noah Foundation), com sede na Califórnia, Estados Unidos. Por meio dela, Huibers e demais fundadores do projeto contam com a ajuda de apoio e doações a partir de US$ 7. Dependendo da arrecadação final e do tipo de transporte necessário (se por reboque ou transportação em navio de carga), a viagem poderá durar duas ou quatro semanas.
Publicidade A decisão de a viagem pelo mundo começar pelo Brasil deve-se aos grandes eventos que o país recebe neste ano — Olimpíada e Paraolimpíada — e também pelo contato que a ONG tem com municípios, empresas e representantes da Igreja Católica no país. A estadia será de pelo menos dois anos, podendo se estender até quatro. O itinerário deve ser comunicado assim que a arca partir do porto de Rotterdam. Por enquanto, só dois destinos estão definidos: a primeira parada será em Fortaleza, e a segunda, no Rio de Janeiro. — Queremos oferecer às pessoas atividades, diversão e expectativa de um futuro eternamente brilhante. Nós amamos o Brasil, e estamos junto com o país neste momento difícil. Sempre há esperança! — afirmou o diretor da Fundação Arca de Noé, Herald Janssen, em entrevista a Zero Hora. About Ark of Noah Foundation from Ark of Noah Foundation on Vimeo. Nos planos do grupo, está a passagem por portos do norte do país, do Nordeste, Sudeste, e também por Florianópolis e Porto Alegre. Questionado se a embarcação poderia circular pelo Guaíba — já que, bem, Porto Alegre, não fica no mar —, Janssen afirmou que os cálculos ainda devem ser feitos. — O calado do navio é de apenas 1,5 metro. Foi justamente pensado para que púdessemos navegar por águas interiores — diz o diretor da ONG, que tem viajado ao Brasil nos últimos seis meses para trabalhar na área de Gestão Florestal Sustentável. Quando a moderna Arca de Noé estiver atracada nos portos brasileiros, todos poderão visitá-la. Para isso, o público normal deverá pagar entrada (o valor ainda não foi divulgado). Estudantes e idosos terão desconto, e o ingresso será gratuito para crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Imagens:
Nota do Editor: Este homem demorou cerca de 4 anos para construir a tal arca, para propagar o cristianismo ao mundo, para vir ao Brasil para ver as olimpíadas, afirmando ser o Brasil o maior país cristão da atualidade. Quanto "tempo livre" este homem teve para fazer este monumento flutuante, e a natureza agradece pelas centenas de arvores mortas para fazer tanto este navio quanto as réplicas dos animais que contêm dentro dele.